Notícias de Última Hora

Suposta escalação irregular pode mudar acesso a série A e B; caso poderia beneficiar Sport

Foto: Ernandes / G1

Uma suposta escalação irregular pode mudar os rumos das Séries A e B do Campeonato Brasileiro. Um erro na documentação do lateral-direito Ernandes, que atuou 31 vezes pelo Goiás, poderia acarretar em punição e perda de pontos. Com isso, o clube esmeraldino perderia o acesso para a elite e daria lugar à Ponte Preta, que ficou em quinto lugar. Além disso, o atleta também defendeu o Ceará em um jogo este ano, contra o Santos, na primeira rodada. Devido a isso, o clube nordestino também poderia ser punido - seria rebaixado e salvaria o Sport, que terminou em 17º lugar, o primeiro do Z4.

Ernandes Dias Luz nasceu em 11 de novembro de 1987 e, assim, foi registado no Boletim Informativo Diário (BID) da CBF. Entretanto, a certidão de nascimento do atleta consta com outra data: 11 de novembro de 1985. Com isso, o lateral-esquerdo teria sido registado com dois anos a menos que a sua idade verdadeira, configurando a irregularidade.

O artigo 214 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD) prevê "perda do número máximo de pontos atribuídos a uma vitória no regulamento da competição, independentemente do resultado da partida, prova ou equivalente, e multa de R$ 100,00 (cem reais) a R$ 100.000,00 (cem mil reais)" em caso de escalação irregular. O LANCE! entrou em contato com a Ponte Preta, que afirmou estar analisando a situação para tomar as medidas cabíveis.

A informação sobre a suposta irregularidade foi divulgada pelo repórter Pedro Orioli, da Rádio Central de Campinas. O LANCE! também entrou em contato com o Goiás e recebeu como resposta uma nota oficial (veja abaixo na íntegra). Nela, o clube afirma que "o ato não acarretará nenhum tipo de ação ou punição e que "o atleta está de férias e até o momento não foi localizado para prestar esclarecimentos".

Fonte: G1

Nenhum comentário